Tsai Ming-Liang com o actor Lee Kang Sheng no 12º Curtas Vila do Conde - Festival Internacional de Cinema, 2005

Tsai Ming-Liang com o actor Lee Kang Sheng no 12º Curtas Vila do Conde - Festival Internacional de Cinema, 2005

Tsai Ming-Liang nasceu em 1957 na Malásia. Mudou-se para Taiwan em 1997 e graduou-se em Cinema e Teatro em 1981 na Chinese Culture University. Durante os seus tempos de faculdade, começou a escrever peças de teatro e foi director de três delas. “Instant Bean Sauce Noodle” (1981) e “A Sealed Door in the Dark” (1982) exploram as vidas solitárias das pessoas urbanas na sociedade contemporânea de forma humorística. Em 1983 escreveu, realizou e actuou no monólogo “A Wardrobe in the Room”, que tratava da total entrega à solidão de um habitante de uma cidade. Este passou a ser um tema recorrente nos seus trabalhos futuros. Nos dez anos seguintes, Tsai dedicou-se à produção para televisão e à escrita de guiões. Depois disso, regressou brevemente ao teatro e também foi professor de arte dramática. Em 1989, voltou à televisão e escreveu e realizou vários telefilmes tais como “All Corners of the World” (1989) e “Boys” (1991). Estes telefilmes ajudaram-no a preparar-se para a sua futura carreira no cinema. Durante as filmagens de “Boys”, Tsai Ming-Liang conheceu Lee Kang-Sheng por casualidade à porta de uma loja de videojogos frequentada por teenagers. Apesar de Lee nao ter preparação profissional como actor, depressa se transformou no actor preferido de Tsai Ming-liang. Tsai Ming-liang escreveu o seu primeiro filme “Rebels of the Neon God” (1992) baseando-se na personalidade e na persona de Lee. Hsiao Kang (como passou a ser conhecido) tem sido a personagem central de todos os filmes de Tsai Ming-liang que se seguiram. “Rebels of the Neon God” acabou por ganhar o Sakura de Bronze do Festival de Tóquio e o prémio de melhor longa-metragem de estreia do Festival de Nantes em 1993. Em 1994, com “Vive l’Amour”, ganhou o Leão de Ouro no Festival de Veneza, o prémio FRIPESCI e o prémio Cavalo de Ouro do Taiwan para melhor director. “The River”, de 1997, ganhou o Urso de Prata do Festival de Berlim, o Prémio Hugo de Prata do Festival de Chicago bem como prémios nos festivais de São Paulo e de Singapura. Em 1998 completou “The Hole”, a participação de Taiwan no monumental projecto cinematográfico, 2000, “Seen by...”, encomendado pelo canal de televisão francês, La Sept Arte. Ganhou o prémio FIPRESCI do Festival de Cannes, o Hugo de Prata bem como os prémios de Melhor Realizador Asiático e Melhor Filme Asiático do Festival de Singapura. Em 2001, “What Time Is It There?” ganhou o prémio de Melhor Som em Cannes e uma série de prémios de outros festivais tais como o de Chicago, Asian Film Festival e o Golden Horse Film Festival. Tsai terminou a curta “The Skywalk Is Gone” em 2002 a que se seguiu em 2003, “Goodbye Dragon Inn”. Ao mesmo tempo produziu o primeiro filme realizado por Lee Kang-Sheng, “The Missing”. Em 2002 recebeu a medalha de Chevalier de l’Ordre des Arts et des Lettres do governo francês/CNC (Centre National de la Cinematographie). “The Wayward Cloud” (2004) ganhou três prémios importantes no Festival de Berlim, o Urso de Prata para a Melhor Contribuição Artística, o Prémio Alfred Bauer e o Prémio FIPRESCI. Em 2006, realizou I Don’t Want To Sleep Alone, um projecto seleccionado pelo New Crown Hope Event em Viena para a comemoração do 250º aniversário do nascimento de Mozart. Esta foi também a primeira longa-metragem do realizador a ser filmada no seu país natal, a Malásia. O Museu do Louvre produzirá a sua próxima longa-metragem que será filmada dentro do museu mais famoso do mundo. Tsai apresentou alguns trabalhos no Curtas Vila do Conde: “What Time Is It There?”, “Goodbye Dragon Inn”, “The Wayward Cloud” e a curta “The Skywalk is Gone” ganhou o Grande Prémio de Ficção 2003. Instalações 2004 Hua Diao (Cai Guo Qiang Jin Men Bunker Museum Exhibition)
2007 “It's a Dream”, instalação vídeo
2007 “Erotic Space”, instalação vídeo
2007 “Whitering Flower”, instalação vídeo Longas metragens (Realização) 1992 Rebels of the Neon God
1994 Vive L’amour
1996 The River
1998 The Hole
2001 What Time Is It There?
2003 Goodbye Dragon Inn
2004 The Wayward Cloud
2006 I Don’t Want To Sleep Alone Telefilmes 1989 The Happy Weaver
All Corners of the World
1990 My Name is Mary
Li Hsiang’s Love Line

Ah Hsiung’s First Love
1991 Give Me a Home
Boys
Hsiao Yueh’s Dowry
1995 My New Friends
2001 The Missing Moon
2004 My Stinking Kid Teatro 1981 Instant Bean Sauce Noodle
1982 A Sealed Door in the Dark
1983 A Wardrobe in the Room
1984 Apartment Romance
1998 Hsiao-Kang and a Table Curtas metragens 2001 A Conversation with God
2002 The Skywalk is Gone
2007 It’s a Dream Adaptação coreográfica 1998 The Good Women of Szechwan (adaptação de B. Brecht) Exposições colectivas 2005 Bunker Museum of Contemporary Art, Kinmen Island, Taiwan
2007 “Discovering the Other”, National Palace Museum in Taipei
2007 “Atopia”, 52nd International Art Exhibition – La Biennale of Venice, The Exhibition of the Taipei Fine ArtsMuseum of Taiwan
2008 “Goodbye Dragon Inn”, Witte de With, Roterdão

© 2017 Curtas Vila do Conde