Solar

Salla Tykkä é uma artista finlandesa nascida na cidade de Helsínquia em 1973, com um percurso singular entre a fotografia, o vídeo e o cinema, e cuja obra tem vindo a ser aclamada a nível internacional. Insere-se numa geração de artistas nórdicos, cujo trabalho, fortemente influenciado pelo imaginário da televisão e da musica Pop, reflecte sobre o papel da mulher e do homem na sociedade e cultura contemporâneas. O seu percurso artístico iniciou-se em 1996, mas foi em 2001 com a apresentação do seu vídeo Lasso na Bienal de Veneza, que Salla Tykkä deu inicio a um percurso internacional relevante. Desde então a artista tem vindo a desenvolver um conjunto de filmes realizados em 35mm, posteriormente passados a vídeo, para apresentação em contexto expositivo. Neles propõe um olhar marcadamente feminino sobre o papel do homem e da mulher na sociedade actual, abordando alguns dos códigos masculinos que povoam a cultura popular, nomeadamente alguns géneros cinematográficos como o Western, a ficção cientifica, ou os thrillers, que influenciaram a sua geração.
A relevância artística da obra de Salla Tykkä é comprovada pela inclusão das suas obras em importantes exposições e galerias de todo o mundo e em algumas colecções importantes como a do Centre Georges Pompidou em Paris.
Queremos então dar espaço priveligiado à apresentação da sua obra em Portugal, dando a conhecer uma artista que explora de uma forma muito particular a linguagem cinematográfica e particularmente os códigos visuais e sonoros do cinema.
Desde 2003, o Curtas Vila do Conde - Festival Internacional de Cinema, tem vindo a mostrar o trabalho de Salla Tykkä. Os filmes Cave (2003) e Zoo (2006), foram apresentados respectivamente em competição, nos festivais de 2004 e 2006, e em 2007 a artista regressou ao festival para integrar a exposição Under Hitchcock. A partir destas colaborações foi iniciado um trabalho de preparação que visou a concretização da primeira exposição individual dedicada à artista no nosso país.
A exposição de Salla Tykkä inaugura no mês de Julho, na Solar Galeria de Arte Cinemática em Vila do Conde, integrada na programação do Curtas Vila do Conde.

Alto patrocínio: Câmara Municipal de Vila do Conde
Comissariado: Nuno Rodrigues
Montagem da exposição: Davide Freitas, Luís Gouveia, Toni Mikolla
Produção: Raquel Moreira
Apoios e divulgação: Hugo Ramos, Raquel Moreira
Imprensa: Carolina Medeiros
Design Gráfico: André Cruz

Cave

Instalação de Luis Espinheira
Cave _ Solar, Vila do Conde
4 de Julho a 6 de Setembro

© 2017 Curtas Vila do Conde