cartão, madeira, plástico, acrílico, altifalante, cd áudio (09'28''), projetor luz direcional, dimensões variáveis

Hal, Alex e Bill, são três personagens de filmes de Kubrick. Quando em 1999 vi a cena Masquerade Ball do filme Eyes Wide Shut ocorreu-me fazer um trabalho que reunia a estranha liderança de Hal, a imoderada chefia de Alex e a instilação de Bill no rito cerimonial. Nos dois primeiros personagens o que é mecânico e o que é humano tanto serve a inalterável fusão como afasta concludentemente a identidade. A situação que Bill defronta no baile noctívago de Eyes Wide Shut extingue-se na estandardização da expressão do disfarce. Masked Wall junta e congela as três figuras, sob a inquirição de uma luz vermelha, numa máscara que emite fragmentos de sons transformados, que perfazem parte de cenas associadas a cada um dos personagens de Kubrick.


Pedro Tudela

Nasceu em Viseu em 1962. Concluiu o Curso de Pintura da [ESBAP] em 1987. Enquanto aluno da [ESBAP], foi cofundador do grupo missionário: organizou exposições Nacionais e Internacionais de pintura, arte postal e performance. Participou em vários festivais de performance desde 1982. Autor e apresentador dos programas de rádio “escolhe um dedo” e “atmosfera reduzida” na xfm entre 1995 e 1996. Em 1992, por ocasião da exposição "mute...life" funda o coletivo multimédia Mute Life dept. [MLd]. Enveredou na produção sonora em 1992, participando em concertos, performances, edições discográficas em Portugal e no Estrangeiro. Cofundador e um dos elementos do projeto de música experimental eletrónica @c. Membro fundador da media label Crónica. Professor Auxiliar da Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto (FBAUP). . Expõe individualmente com regularidade desde 1980. Trabalha como cenógrafo desde 2000. Participou em inúmeras exposições coletivas em Portugal e no Estrangeiro desde o inicio da década de 80. Vive e trabalha no Porto.

© 2019 Curtas Vila do Conde