WINTERREISE


Inés García · Espanha · 2018
Einsamkeit: Dupla projeção de filmes 16mm transferidos para vídeo HD, 6’47’’, p&b, loop; duas árvores.
Winterreise: Composição de Franz Schubert interpretada por Josef Knochen.
Vinil, leitor de vinil, auriculares, 18’52”.
Alps: Vídeo HD, 3’53’’, p&b, s/som.


Poucos meses antes da sua morte, Franz Schubert escreveu uma das suas obras mais importantes: “Winterreise”, uma coleção de 24 peças para piano e voz, publicadas em 1828, inspiradas e compostas a partir de 24 poemas escritos por Wilhelm Müller.

É uma história através dos olhos de um jovem que, rejeitado pela sua noiva, escapa da civilização e viaja para o inverno selvático. Afastando-se cada vez mais da civilização, a sua tristeza e a natureza ao redor desencadeiam alucinações e lembranças do passado, que acabam por fazê-lo perder a noção do tempo e da realidade e levá-lo para cada vez mais perto da morte.

Torno-me no andarilho romântico de Schubert e embarco numa jornada pessoal pela essência da imagem em movimento, bem como pelos seus limites. Uma experimentação empírica para estudar como pensar o tempo, e sua evanescência fugaz e cintilante, e o uso da imagem em movimento como o registo de um momento breve e transitório no espaço e no tempo.

A minha prática artística incide no movimento, no tempo e na precariedade entre a realidade objetiva e a realidade poética. Interesso-me especialmente pela criação de tempos de trânsito que não se referem a um mundo externo, mas a uma representação mental que remova precisamente as fronteiras entre o real e o irreal para causar uma ambiguidade inquietante, um deslize entre o sono e o despertar.





Inés García

Formada em Belas Artes pela Faculdade de Barcelona, onde recebeu uma bolsa de estudos de um ano em Bali. Posteriormente decidiu completar a sua formação participando em workshops orientados por Abbas Kiarostami, Víctor Erice, Gabriel Orozco e Wilfredo Prieto. Em Espanha, tem participado em várias exposições em Barcelona, Madrid (Espaço Trapezio e Matadero) e Bilbao (Bilbao Arte, Abissal Espaço e Sala Rekalde), os seus vídeos foram mostrados no CA2M, na La Conservera de Murcia, no LOOP, e no SCREEN Festival em Barcelona. A nível internacional, as suas obras audiovisuais têm integrado festivais como o Latino Art Festival de Vídeo em Nova Iorque, Festival de Cinema em Teerão e FIVA em Buenos Aires, e noutras cidades, como Berlim, Atenas, Paris, Montreal e Nottingham. Nos últimos anos, o seu trabalho foi exposto ainda nos Les Rencontres Internationales Paris / Berlin, na Tabakalera e no Instituto Cervantes, em Lisboa. Em 2017, García foi selecionada, pelo segundo ano, na X edição do Estaleiro Prémio Videoarte e foi premiada com uma bolsa de estudos da Fundação BilbaoArte para desenvolver o projeto “Winterreise”, que culminou na sua primeira grande exposição individual: “Winterreise”, em fevereiro 2018.

© 2018 Curtas Vila do Conde